Adeus 2018! Bem-vindo 2019!

Costuma-se dizer “Ano novo, Vida nova!“.

Um novo ano está a começar. É um momento em que se fazem balanços do ano que passou, se planeiam novas atividades e se encontram novos desafios.

A direção da Associação Portuguesa de Emaús em Bruxelas orgulha-se das muitas iniciativas que promoveu e se realizaram em 2018. Não é fácil manter a “casa” a funcionar com tantas atividades como por exemplo os almoços de promoção da tradição culinária portuguesa, curso de costura, palestras de alimentação saudável, aulas de francês. Em 2018 iniciaram-se novas atividades como os cursos de português para estrangeiros, atelier de azulejos, tardes de cinema, música e debates, workshop sobre a história, produção e degustação de vinhos portugueses.

A Associação existe primeiramente para promover a cultura, língua e tradições portuguesas que, por sua vez, se tornam motivo de união para quem vive longe do seu país. No contexto da solidariedade e entreajuda, é com muito prazer que a Associação colabora com a iniciativa “SOS a quem chega”.

A Emaús tem muito gosto em colaborar com outras Associações portuguesas na Bélgica sem as quais não se poderiam realizar manifestações importantes como, por exemplo, a celebração do 10 de Junho que em 2018 foi um grande sucesso.

O Rancho Folclórico de Emaús contribuiu para o sucesso do 10 do Junho e do Folklorissimo, para além do tradicional e muito apreciado evento de vestir o “Manneken Pis” com trajes típicos portugueses.

O ano de 2018 foi também importante para lançar o novo site Elo Digital (www.elodigital.be), que gostaríamos que fosse participativo e ferramenta de aproximação à Associação.

Com o ano de 2019 virão novos desafios. Entre outras coisas vai-se tentar melhorar as condições da sede, tornando-a mais amiga do ambiente, e manter o ritmo das atividades para que hajam renovados motivos para estarmos juntos, mantendo-se uma casa aberta a todos, portugueses e não portugueses, como forma de alargar laços de amizade e dar maior visibilidade à cultura portuguesa: da arte, às danças, à boa mesa.

A Associação Emaús depende de todas e de todos que, com boa vontade e de forma totalmente voluntária, dedicam o seu precioso tempo às iniciativas que promove.

É mais do que uma obrigação, é um dever reconhecer e agradecer o trabalho dedicado dos sócios, colaboradores e amigos que ajudam a Associação e assim contribuem para uma melhor inserção dos muitos portugueses que vivem na Bélgica.

A Associação Portuguesa de Emaús em Bruxelas deseja as melhores felicidades para o novo ano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *